LiveZilla Live Help

Página Inicial > Notícias

RMVale é apontada como uma das áreas com maior potencial para expandir o turismo no país

27/01/2015 09:26:57

Na região, o turismo é a bola da vez. O Vale do Paraíba está no alvo das principais operadoras do país, recebe cada vez mais visitantes e é apontado pela Embratur como uma das principais áreas com potencial turístico do Brasil.
Por ano, a região recebe em torno de 41 milhões de turistas, sendo que 18 milhões frequentam o circuito religioso, em cidades como Aparecida, Cachoeira Paulista, Guaratinguetá e Lorena.
A Serra da Mantiqueira e o Litoral Norte são os locais mais procurados depois dos destinos religiosos, com 5 e 7 milhões de visitantes por ano, respectivamente.
Mas todos os segmentos têm potencial de crescimento, desde que cidades, empresas e a população se qualifiquem para a expansão turística.
“A região tem muito o que crescer nessa área. Esse é o nosso desafio”, disse Edgard Rodrigues, consultor de meios de hospedagem do Sebrae de Guaratinguetá.
Segundo ele, o circuito religioso e o turismo de montanha e de praia estão mais consolidados, mas os setores de turismo histórico e ecológico têm bastante espaço para crescer.
“Apoiamos cidades e empresas para qualificar os operadores e cidadãos para intensificar esses tipos de turismo na região”, completou Rodrigues.
No Vale, que tem um PIB de R$ 57 bilhões, o turismo responde por R$ 15,8 bilhões, o que representa 31% do total.
A expectativa é que a atividade turística regional siga, nos próximos anos, o crescimento registrado no país, de 76% entre 2002 e 2012.

Expansão. A localização privilegiada do Vale do Paraíba entre as duas principais capitais brasileiras --São Paulo e Rio de Janeiro-- e a diversidade dos tipos de turismo feitos aqui (veja quadro ao lado) têm atraído operadoras de turismo para abrir negócio na região.
A partir de amanhã, a empresa E-HTL, uma das mais importantes operadoras de turismo no país, começa a operar na região em um escritório montado em São José dos Campos.
No mercado desde 2004 e com presença em 12 estados, a operadora fechou 2014 com 35% de crescimento no faturamento ante o ano anterior. A meta para 2015 é abrir três novas bases de operação, a primeira delas na região.
“Um dos nossos pontos altos é o turismo de negócio, por isso a escolha do Vale do Paraíba e de São José”, disse Flávio Louro, diretor da E-HTL.
Segundo ele, a meta é visitar até 250 agências de turismo na região para apresentar a empresa e fechar negócios, principalmente na comercialização de viagens.

Hotel. Outra empresa que aposta no crescimento do turismo em São José e na região é o Hotel Ema Palace, na Vila Ema, área nobre da cidade.
No site Trivago, maior buscador de hotéis do mundo, o empreendimento foi considerado o melhor da cidade em sua categoria.
Para o gerente de Marketing da empresa, Fernando de Magalhães Jimenez, o bom resultado se deve a investimentos feitos no hotel, que abriu a suíte presidencial em 2014, com vista para a serra.
“Temos uma política de constante evolução para atender a uma clientela cada vez mais exigente quanto ao conforto e requinte no setor hoteleiro”, disse Jimenez. 

Saiba mais

Turistas
Do total de 41 milhões de turistas que o Vale do Paraíba recebe anualmente, em média, 18 milhões têm como destino o turismo religioso, 5 milhões a Serra da Mantiqueira e 7 milhões o Litoral Norte. O restante pratica o turismo de lazer, hospitalar, acadêmico, cientifico e corporativo

Localização
Segundo a Embratur, a localização do Vale do Paraíba entre as duas principais capitais brasileiras --São Paulo e Rio de Janeiro-- faz da região um dos maiores potenciais de turismo no país

Diversificado
O turismo regional destaca-se pela diversidade, passando pelas modalidades de ecoturismo, negócios, lazer, cultural, histórico e religioso

São José
Pesquisa mostra que a cidade recebe, diariamente, pessoas de 89 cidades diferentes

 

Governo quer qualificar setor e atrair grandes eventos
São José dos Campos

Unindo tecnologia, negócios e lazer, o setor de turismo é uma das apostas da Prefeitura de São José dos Campos para alavancar a cidade dentro e fora do Brasil.
Para tanto, a Secretaria de Turismo tem criado uma série de ferramentas e projetos para qualificar o turismo na cidade, incluindo cursos, novos produtos e parcerias.
Outro foco é a atração de grandes eventos para a cidade, como torneios esportivos, congressos e reuniões de negócio. No segundo semestre de 2015, por exemplo, São José deve sediar um encontro internacional de programadores, reunindo mais de 1.200 pessoas.
“A nossa meta é tornar São José uma cidade hospitaleira”, disse Diego Nicolau de Carvalho, diretor da Secretaria de Turismo de São José.
Todos os dias, segundo ele, a cidade recebe pessoas de 89 cidades diferentes. Elas vêm procurar atendimento hospitalar, estudar, comprar, trabalhar ou fazer negócio.
Além desse público, a Secretaria está de olho nos milhares de turistas que visitam a cidade todos os anos e nos próprios moradores. “Há projetos para todos os públicos”.


São José terá totem turístico na cidade
A Secretaria de Turismo de São José está finalizando a instalação de totens turísticos em vários pontos da cidade. Trata-se de um equipamento virtual e interativo por meio do qual se poderá ter informações sobre a cidade, principalmente sobre questões turísticas. Os totens serão instalados em shoppings e pontos de grande circulação de pessoas.


Circuito religioso deve bater recorde
O circuito religioso do Vale do Paraíba deve fechar os próximos três anos com 40% a mais de visitantes, alcançando a cifra de 25 milhões de turistas. Hoje, cerca de 18 milhões de pessoas passam pela região, todos os anos, por causa da fé religiosa. O recorde deve ser batido em 2017, com a previsão da segunda visita do papa Francisco a Aparecida.

Fonte: O Vale


Associação de Guias do Circuito Turístico 2016 - Todos os direitos reservados.
(12)9 9249 4699 [Claro] / (12)9 9656 5298 [Vivo] / (12)9 8896-5438 [Oi]
Desenvolvimento: